País é o terceiro no mundo com maior contagem de mortos durante a pandemia de novo coronavírus, atrás apenas dos EUA e do Reino Unido.

18 de maio - Fiéis respeitam as regras do distanciamento social durante uma missa no primeiro dia de reabertura das igrejas com presença de pessoas durante as missas em Turim, na Itália.

O país está lentamente retirando as restrições sanitárias após um bloqueio de dois meses para conter o avanço do coronavírus Marco Alpozzi/LaPresse via AP A Itália registrou 119 novas mortes pela epidemia Covid-19 nas últimas 24 horas, o número é inferior aos 130 dados no dia anterior, informou a Agência de Proteção Civil neste sábado (23).

Por outro lado, a contagem diária de novos casos confirmados teve um leve aumento e chegou a 659, em comparação com os 652 observados na sexta-feira (22). Balanço de mortos por coronavírus pode ter sido extremamente subestimado na Itália O número total de mortos desde o surgimento do surto em 21 de fevereiro agora é de 32.735, segundo a agência, o terceiro maior do mundo, depois dos Estados Unidos e do Reino Unido. Sexto em número de casos A Agência de Proteção Civil disse que o número total de casos confirmados na Itália desde o início de seu surto agora é de 229.327, o sexto maior número mundial atrás dos Estados Unidos, Rússia, Espanha, Reino Unido e Brasil. Havia 572 pessoas em terapia intensiva no sábado, contra 595 na sexta-feira.

Dos originalmente infectados, 138.840 foram declarados recuperados contra 136.720 no dia anterior. A agência disse que 2,164 milhões de pessoas foram testadas para o vírus a partir de sábado, contra 2,122 milhões na sexta-feira, em uma população de cerca de 60 milhões. Initial plugin text